Germinal – Educação e Trabalho

Soluções criativas em Educação, Educação Profissional e Gestão do Conhecimento

Resultados do ENEM e Mudanças no Ensino Médio 16 de setembro de 2009

 

 

Em dois posts anteriores (Resultados do Enem e Arquitetura Escolar  e Resultados do Enem e Arquitetura Escolar II), procuramos verificar se há alguma relação entre inovações na arquitetura escolar, especialmente no espaço e no arranjo da sala de aula, e os resultados do ENEM, versão de 2008.

 

 

Um estudo a partir do sites dos colégios e de um levantamento nos registros fotográficos disponíveis na Internet revelou que os 10 colégios melhores classificados, em função dos resultados de seus alunos, não apresentam mudança significativa no espaço e no arranjo das salas de aula.

 

 

Os sites e as propostas pedagógicas dos colégios nem arranham essa questão e as fotos disponíveis mostram sempre um espaço e um arranjo convencional (salas retangulares, cadeiras dispostas em filas). Mesmo onde o tamanho do espaço físico e o mobiliário permitem outros arranjos, as fotos mostram o indefectível arranjo em auditório. Um ambiente propício para a fala de um e para a audição de muitos.

 

 

A constatação nos leva a crer que as inovações metodológicas também sejam poucas entre as 10 mais, embora sobre tais inovações as propostas pedagógicas dos colégios (quando disponíveis nos sites) falem um pouco mais.

 

 

Mesmo necessitando de mais informações para confirmar a hipótese, ousaríamos afirmar que os colégios mais bem situados na classificação são tradicionais e/ou fortemente centrados na transmissão e memorização dos conteúdos curriculares, com o olho voltado para o bom desempenho de seus alunos nos vestibulares para o ensino superior.

 

 

A afirmação, se verídica, implica em constatar que a mudança da forma de seleção dos alunos para a universidade (Vestibulares X Enem) será inócua em induzir mudanças significativas na atual realidade do Ensino Médio brasileiro.

 

 

Dada a importância da afirmação, voltaremos, em posts posteriores, a abordar o assunto. Nessa volta, vamos investigar as variáveis que determinam o bom desempenho dos colégios melhor colocados no Enem de 2008. A partir daí, tentaremos mostrar que essas variáveis não são influenciadas pelo tipo de exame que se adota na seleção para o ensino superior.

Anúncios
 

2 Responses to “Resultados do ENEM e Mudanças no Ensino Médio”

  1. Excelente questão, Kuller. Se as melhores classificadas no Enem adotam o modelo tradicional de ensino, de duas uma:

    1- Ou o novo Enem não vai promover, necessariamente, uma mudança significativa no EM.

    2- O modelo tradicional de ensino continuará sendo o modelo ideal de ensino, partindo do pressuposto que o aluno precisa ter sucesso no vestibular.

    Ou alguma outra alternativa, hehe.

    Um grande abraço

  2. José Antonio: tenho acompanhado com curiosa atenção as suas postagens sobre o tema. São vários os fatores que fazem aflorar o sucesso estudantil e a disposição do espaço escolar é um deles. Conte com a minha leitura, colega professor.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s