Germinal – Educação e Trabalho

Soluções criativas em Educação, Educação Profissional e Gestão do Conhecimento

Resultados do ENEM e Arquitetura escolar 3 de setembro de 2009

 

  Percebi que, no processo de construção deste blog, temos deixado muitas trilhas e atalhos incompletos.

  

 

Quem me alertou para o fato, foi uma leitora: Isabella Chaves Carvalho, que comentou em relação ao post Arquitetura Escolar e Resultados do ENEM: “Acredito sim na relação da arquitetura escolar com o Enem. Isso porque o espaço, quando bem elaborado, é capaz de exercer influência positiva no aluno, gerando seu bom desempenho nas atividades, o que leva a resultados satisfatórios na avaliação do ENEM”.

  

 A busca de uma possível relação entre a arquitetura escolar inovadora (especialmente a da sala de aula) e os resultados do ENEM é um dos atalhos que iniciei e não completei. Vou tentar fazê-lo, neste e num próximo post.

 

 Vamos começar apresentando as escolas melhor classificadas no ENEM, em 2008. Depois, vamos pesquisar como são organizados os ambientes de aprendizagem de tais escolas.

  

As campeãs do Enem de 2008, e como elas se saíram nos três anos anteriores (ver mais na Revista Época).
 Reprodução

 

 

Neste post vamos pesquisar como são organizados os ambientes escolares das cinco primeiras escolas na classificação do ENEM de 2008, dando ênfase e foco às salas de aula.

   

 

1. Colégio de São Bento, Rio de Janeiro, Particular

  

 

Observem que as mesinhas móveis possibilitam a reorganização da sala. Mas, o que aparece na foto divulgada pela Revista Época é o arranjo tradicional e a tradicional relação entre professor e aluno. No site do Colégio, encontramos a seguinte descrição: 

Laboratório de informática Todas as salas de aula têm acesso à Internet através do “kit multimídia” – datashow + notebook + microsystem. O CSB oferece acesso à rede Wireless no pátio da cantina no 5º andar, na recepção do 4º andar e no hall do 3º andar, aos alunos, pais e responsáveis que desejarem conectar seus notebooks, sem nenhum custo. Para isso, basta solicitar o registro na recepção do 4º andar”.

 

 Pelo que observamos, não é possível afirmar que a arquitetura escolar do Colégio São Bento é inovadora e, muito menos, que é revolucionária. Muito pelo contrário.

  

A proposta político-pedagógica do colégio não veicula nenhuma consideração sobre os espaços e ambientes de aprendizagem.

  

 

2. Colégio Bernoulli, Belo Horizonte, Particular

 

O Colégio Bernoulli facilita muito nosso trabalho de pesquisa. Seu site veicula fotos dos ambientes de aprendizagem do colégio. Uma delas reproduzimos ao lado. Há pouco a comentar. Nada mais tradicional do que isso.

 

No entanto a Proposta Pedagógica do Colégio diz:Acreditamos que a Educação é um processo dinâmico e que a sala de aula é um centro de debates, discussões, diferenças e questionamentos. É lugar onde se compartilha conhecimentos abrindo espaço para erros, contradições, criatividade e, fundamentalmente, colaboração mútua na relação aluno-aluno e aluno-professor. Essa é a Escola de nossos sonhos e que,  juntamente com os nossos alunos e seus familiares, estamos construindo”.

 

No entanto, as salas de aula retratadas no site do colégio apresentam dispositivos arquitetônicos contrários à proposta pedagógica enunciada. Então…

 

 

3. Colégio de Aplicação da UFV – Coluni, Viçosa(MG), Federal

 

No colégio de aplicação da UFV a pesquisa via imagens, no Google, foi mais alentadora. Não apareceu uma única foto de ambientes escolares convencionais. Das fotos que retratam situações de aprendizagem, selecionei duas. São exemplos promissores de superação do ambiente tradicional. Serão exceções ou a norma?

 

Além disso o site afirma:

 “As atividades de ensino do COLUNI desenvolvem-se em modernas instalações no campus da UFV que, além de salas de aula, dispõe de salas de projeção, laboratórios de química, física, biologia e humanidades, bem como de informática, que possibilita acesso a uma rede de computadores conectada à internet. Os alunos utilizam, ainda, a Biblioteca Central, a Praça de Esportes, o Restaurante Universitário e a Divisão de Saúde da UFV.”

  

 Mas, nenhuma informação sobre a Proposta Pedagógica, sobre as salas de aula ou sobre a configuração física delas. Como será o arranjo cotidiano das salas de aula do Colégio de Aplicação da UFV? Quem souber e puder, mande-me fotos.

 

  

4. Colégio Santo Antônio, Belo Horizonte, Particular

 

No site do Colégio Santo Antônio e no Google-imagens não conseguimos nenhuma foto dos ambientes de aprendizagem.

 

  A foto da fachada externa do colégio não promete muita inovação no interior do edifício.

   

A proposta pedagógica do colégio está em um promissor processo participativo de reconstrução. Mas, não sabemos se a questão do arranjo ambiental das salas de aula é um dos temas em discussão.

 

Não sabemos se a foto da sala com computadores, ao lado, encontrada na pesquisa de imagens, pertence de fato ao colégio. Se, sim, é mais um exemplo de modernização conservadora.

 

 

 

 

 

 

5.  Colégio Helyos – Feira de Santana (BA) – Particular

 

 

Por  fim, apresentamos fotos dos ambientes de aprendizagem do Colégio Helyos, quinto colocado no ENEM 2008.

 

A primeira imagem ilustra o texto da Proposta Pedagógica do Colégio. Não é preciso dizer muito mais.

 

A segunda foto é, seguramente, do colégio e retrata mais um exemplar de modernização conservadora: o uso de uma tecnologia nova para deixar as coisas da forma como elas sempre foram.

 

Até agora, nossa pesquisa mostra que os bons resultados no ENEM não tem nenhuma relação com inovações na arquitetura escolar, seja do edifício como um todo ou do dispositivo arquitetônico da sala de aula.

 

Em próximo post, analisaremos as escolas colocadas do sexto ao décimo lugar no ENEM de 2008.

Anúncios
 

9 Responses to “Resultados do ENEM e Arquitetura escolar”

  1. Bernardete Says:

    Oi José Antonio, como vais? Estou sentindo tua falta!!!
    bjs
    Berna

    • Bernardete

      Tive alguns problemas com meus acessos à rede, incluindo dificuldades em operar com os endereços eletrônicos da Germinal. Só depois de sanados os problemas é que recebi a seguinte e já antiga notícia:

      Gente, grandes novidades!
      A Bernardete foi a vencedora do Prêmio Microsoft, na categoria Educador Inovador!!! Ela estava emocionadíssima! Os outros premiados eram também muito interessantes, um projeto interdisicplinar sobre energia, de professores de Salvador, um projeto sobre compostagem e reciclagem de lixo, do Tocantins, um projeto de produção de objetos de aprendizagem por alunos do Ensino Médio, de Petrópolis e outro de robótica, de uma cidade do interior de São Paulo. Foi ótimo estar lá para dar um abraço nela! Vou tentar postar as fotos no blog ainda hoje.
      abços
      Lilian

      Vi as fotos e lamentei duas vezes. Primeiro, porque gostaria de ter estado lá e não estive. A segunda, pelo atraso em meus aplausos virtuais. Imediatamente enviei-lhe uma mensagem usando outro endereço da Germinal. Sua mensagem atual faz com que eu suspeite de um extravio.

      Assim sou duplamente devedor: pela minha ausência no evento de premiação e pela manifestação tardia da satisfação de sabê-la premiada.

      Amiga, mesmo de longe e com tanto atraso, aceite aquele abraço.

  2. edson Says:

    gostaria muito de ser arquiteto mas nao tenho condiçoes se pudese ganhar uma bolsa daria tudo de mim para me formar

  3. frederico Says:

    Prezados, o arranjo das salas de aula do coluni é com qualquer outro. Aliás, a foto postada não é de uma aula ocorrida no coluni, ainda que as pessoas possam ser.
    O colégio é como qualquer outro, e o diferencial é que ele seleciona os alunos em um processo seletivo muito concorrido.

  4. Eziquel de Lima Says:

    Achei muito interessante esta matéria que mostra novas formas de organização e uso de tecnologias na escola.
    De fato é possível e necessario quebrar velhos paradigmas da educação.

    Prof. Eziquel

    • Isabella Chaves Carvalho Says:

      e a arquitetura escolar pode contribuir e muito para a boa formação do aluno, justamente porque o espaço influencia o ser humano 🙂

  5. Isabella Chaves Carvalho Says:

    Nossa, vi que você citou meu nome em seu blog…em um comentario de 2009. QUe bom.
    Bem, na época que escrevi isso em seu blog eu estava finalizando meu curso de Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Fedral do Pará. Hoje tenho 1 ano e meio de formado, e meu trabalho final de graduação teve um tema central que envolve o assunto citato em seu blog, a relação da arquitetura e a educação. E são muitas.
    Segue meu email, para um contato maior.
    carvalho.bella@gmail.com

    • Oi Isabella

      Bom que você gostou da citação. Os cometários dos leitores são muito importantes. Eles sempre nos orientam nesse cipoal que é a Internet. Eu e um amigo, Jarbas Novelino Barato, do Boteco Escola, temos postado vários artigos relacionados ao tema da relação entre Arquitetura e Educação. Gostaria de conhecer e de divulgar o seu trabalho. Como poderia ter acesso a ele?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s