Germinal – Educação e Trabalho

Soluções criativas em Educação, Educação Profissional e Gestão do Conhecimento

Aprendizagem criativa – metodologia 26 de novembro de 2008

 

Falamos em post anterior que a Aprendizagem Criativa, enquanto proposta educativa, funda-se na psicologia da criatividade de Jung. No mesmo post, Aprendizagem Criativa, falamos um pouco dessa psicologia da criatividade. Dissemos que ela foi fundamental no desenho de uma proposta educativa, consubstanciada em um Programa de Desenvolvimento de Chefias e Supervisores, que tinha a criatividade como centro.

 

Claude Monet Charing Cross Bridge, Fog in the Thames 1899-1901. Oil on canvas. Lent by the Fogg Art Museum, Harvard University Art Museums, Cambridge Massachusetts

Ao extrair, da contribuição de Jung, um método de facilitação da criatividade individual e grupal na situação de ensino-aprendizagem, é evidente uma primeira constatação.

 

Não se pode partir dos sonhos do treinando ou do educando para, em torno do referencial simbólico que deles emerge, buscar os significados e as possibilidades de superação dos conflitos que estancam o desenvolvimento organizacional, grupal ou individual.

 

O sonho, a via régia de produção e veiculação de símbolos, não é factível de ser usado em situações formais de aprendizagem. Mas existem variantes para iniciar o processo de circunsimbolização.

 

 A aprendizagem criativa é uma dessas variantes de facilitação da criatividade grupal que pode ser utilizada pelo educador no ambiente de ensino-aprendizagem, a partir de uma reversão radical dos procedimentos metodológicos em vigor e a partir de um ato de coragem (a coragem é um requisito de todo criar). O método envolve quatro etapas:

 

1) a focalização e simbolização;

2) a amplificação subjetiva ou objetiva do(s) símbolo(s);

3) a análise do conteúdo da ampliação, e

4) síntese e decorrências.

 

Os links incluídos nos itens numerados darão acesso a outros posts em que cada uma dessas fases é abordada de forma mais específica e detalhada.

 

O texto anterior parte de um já publicado em Küller, José Antonio. Ritos de Passagem -Gerenciando Pessoas para a Qualidade. São Paulo, Editora SENAC, 1996.

Anúncios
 

One Response to “Aprendizagem criativa – metodologia”

  1. Orlando Moreira Says:

    Material muito bom para pesquisar e estudar. excelente para discutir em grupo


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s